logo
Filhas e filhos da alma!

Retrospectiva Íntima

Ante a Palavra do Cristo

Quando Deus Criou as Mães

O perfume do bem

Planejamento

Mais Mensagens...
Inicial
Nossa História
O que é o Espiritismo
Conheça Allan Kardec
Obras Básicas
Departamentos
Horários de Funcionamento
Palestras
Boletim do Caminho
Clube do livro
Livraria
Notícias
Artigos
Biografias
Mensagens
Mídia Espírita
Galeria de imagens
Outros sites
Fale Conosco

Siga-nos no Twitter
@SECAD_
/Artigos/Visao-Espirita-da-Pascoa/

Visão Espírita da Páscoa

 

 
Amílcar Del Chiaro Filho
 
O Espiritismo não celebra a Páscoa, mas respeita as manifestações de religiosidade das diversas igrejas cristãs, e também não proíbe que seus adeptos manifestem sua religiosidade.
 
Páscoa, ou Passagem, simboliza a libertação do povo hebreu da escravidão sofrida durante séculos no Egito, mas no Cristianismo comemora a ressurreição do Cristo, que se deu na Páscoa judaica do ano 33 da nossa era, e celebra a continuidade da vida.
 
O Espiritismo, embora sendo uma Doutrina Cristã, entende de forma diferente alguns dos ensinamentos das Igrejas Cristãs. Na questão da ressurreição, para nós, espíritas, Jesus apareceu à Maria de Magdala e aos discípulos, com seu corpo espiritual, que chamamos de perispírito. Entendemos que não houve uma ressurreição corporal, física. Jesus de Nazaré não precisou derrogar as leis naturais do nosso mundo para firmar o seu conceito de missionário. A sua doutrina de amor e perdão é muito maior que qualquer milagre, até mesmo a ressurreição.
 
Isto não invalida a Festa da Páscoa se a encararmos no seu simbolismo. A Páscoa Judaica pode ser interpretada como a nossa libertação da ignorância, das mazelas humanas, para o conhecimento, o comportamento ético-moral. A travessia do Mar Vermelho representa as dificuldades para a transformação. A Páscoa Cristã, representa a vitória da vida sobre a morte, do sacrifício pela verdade e pelo amor. Jesus de Nazaré demonstrou que se pode executar homens, mas não se consegue matar as grandes idéias renovadoras, os grandes exemplos de amor ao próximo e de valorização da vida.
 
Como a Páscoa Cristã representa a vitória da vida sobre a morte, queremos deixar firmado o conceito que aprendemos no Espiritismo, que a vida só pode ser definida pelo amor, e o amor pela vida. Foi por isso que Jesus de Nazaré afirmou que veio ao mundo para que tivéssemos vida em abundância, isto é, plena de amor.
 

Revista Afinal

Alerta

A Ecologia à luz do Espiritismo

Comer carne ou ser vegetariano

A Ecologia à luz do Espiritismo

Ainda sobre o livro de Humberto de Campos

Duas Questões de Direito Penal

A lição mais importante

Páscoa e Reforma Íntima

Evangelho e simplicidade

O Espiritismo e o livre arbítrio

Apenas dois títulos

Natal e Ano Novo

Reencarnação existe sim, na Bíblia - Jesus conscientiza

Deus, o refúgio de sempre

A Medicina oficial se abre para a questão espiritual.

Viver feliz

Injustiças socias

Dois destinos

Sempre é tempo de recomeçar

Amar é uma decisão

A terapia da esperança

Sensação de Natal

Concisa explanação a propósito dessa tal felicidade

A utilidade da infância

Entrevista com Jorge Maurício - Jornal Semanal de Três de Maio

A desencarnação é a certeza futura que temos.

O sexo é sinônimo de felicidade?

87 anos

Esperança

Solidariedade

Pineal, a glândula da vida mental

Beber alcoólicos é um flagelo Social

A missão da paternidade

Não há efeito sem causa, logo, Deus existe!

Recados do céu

A opinião de Deus

O "nada" e a "sorte" explicam o universo?

A fé derruba obstáculos

Doe palavras

Caridade e trabalho voluntário

Um Pouco sobre o Espiritismo

A família

Evangelização Infanto-Juvenil: Necessidade urgente!

Os porquês da vida

As Propostas Espíritas em Face da Violência Social

© Sociedade Espírita Caminho de Damasco (Santa Rosa - RS) - Sítio Eletrônico